A indignação precisa tomar conta das redes

Duas ex-alunas e uma professora de Jornalismo do IACS/UFF expõem aqui seus sentimentos a respeito do episódio. Ambas trabalharam em redação, Carmen foi repórter da TV Globo e da editora Abril, Alda trabalhou em O Fluminense (rádio e jornal), na Tribuna de Niterói e na Rádio MEC. Sylvia formou-se na UFRJ e trabalhou no Jornal dos Sports, no Globo e no Jornal do Brasil. As três tem mais de 50 anos, e a indignação é a mesma. O que há de novo é a ostentação do crime como um troféu na internet.

Rebeca Letieri

https://afastaestecalese.com/2016/05/31/estupro-coletivo-o-escandalo-e-as-perguntas/

https://afastaestecalese.com/2016/05/31/afasta-de-mim-a-cultura-do-estupro/

https://afastaestecalese.com/2016/05/31/uma-historia-que-se-repete-desde-tomas-de-aquino/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s